Val Grande Park

Val Grande Park

Parque Val Grande e as Mulheres


O Parque Val Grande é um deserto por excelência: é equilíbrio e harmonia naturais, é silêncio total, é espaço ilimitado, é um lugar selvagem e inóspito. O Val Grande Park nasceu no Piemonte em 1992, na área de Ossola, entre Val Cannobina e o Lago Maggiore. No final da Segunda Guerra Mundial, a área ficou despovoada, pastores e lenhadores deixaram as montanhas. Aqui a natureza tem vantagem e a floresta volta a cobrir as encostas. As Mulheres do Parque Val Grande são um grupo de mulheres, em trajes típicos, que trazem ao conhecimento do mundo os usos e costumes de uma civilização alpina passada, tão fechada e oculta. Eles transmitem hábitos e tradições, dos quais são quase os únicos depositários. De fato, os homens foram forçados a emigrar para o exterior.

Chegue ao Parque Val Grande




Para chegar ao Parque Val Grande, o veículo mais confortável e adequado é certamente o carro. Pegue a rodovia A8, se vier de Milão, a A26, se chegar de Gênova e Turim. A saída mais próxima é Gravellona Toce. Continue na estrada de Gravellona até o Simplon Pass. O show é de uma beleza notável, de fato, você pode admirar as montanhas que cercam o Val Grande. Se você vem da Suíça, seguirá pela SS 34 de Cannobio. Existem muitas estradas de terra que levam a pontos de acesso ao Parque Val Grande ou a pontos de partida para as várias rotas. Para chegar ao parque de trem, desça na estação Verbania Pallanza ou na estação Domodossola. Você pode chegar ao Parque Val Grande também com o trem Centovalli, que atravessa o Val Vigezzo.

Os roteiros do Parque Val Grande




O Parque Val Grande, dada a impermeabilidade característica da área, alerta os caminhantes que muitas vezes há caminhos difíceis de percorrer, alguns podem não estar marcados e outros particularmente difíceis. Para quem não conhece o vale, existem guias preciosos e especializados. Além disso, é relatado que no Parque Val Grande é impossível usar telefones celulares, mérito ou defeito? Entre os itinerários sugeridos estão: As trilhas naturais do parque, fáceis e acessíveis a todos, acompanhadas de folhas explicativas. Entre eles, encontramos: à sombra dos abetos, o homem-árvore, a civilização da fadiga, histórias de pedra e muitas outras. Muito mais exigentes são as passagens, de Cicogna a Finero e de Malesco a Colloro. São excursões que exigem excelente preparação para as dificuldades que enfrentam.

Educação ambiental do Parque Val Grande



O objetivo do Parque Val Grande não é apenas preservar uma área, mas também comunicar e educar. Precisamente por esse motivo, seu primeiro interlocutor é a escola, local e nacionalmente. A proposta é a de uma educação ambiental no local. Com visitas guiadas, você pode aprender sobre questões ambientais relacionadas à biodiversidade e admirar as belas paisagens criadas pela natureza selvagem. Entre as propostas mais interessantes, estão: A água que liga: o uso da energia cinética, A história da caminhada: queimadores de Boscaioli e carvão, Educação ambiental no Ecomuseu e Leuzerie e Skerpelit di Malesco, O retorno do lobo: grandes predadores e valor ecológico. Como se pode observar, os temas abrangem desde o estudo do meio ambiente, como fauna e flora, até o uso de recursos naturais, até a salvaguarda de tradições antigas.